quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

"Click Fundesnap" - Concurso Fotográfico de Guarda-Parques da Bolívia

Ajude a espalhar o valioso trabalho dos guarda-parques da Bolívia!
Em parceria com os guarda-parques, a FUNDESNAP quer publicar o primeiro livro de fotografias tiradas por guarda-parques nos mais remotos cantos da Bolívia! As fotografias fazem parte de um concurso fotográfico organizado com guarda-paques da Bolívia: El Click FUNDESNAP.

Faça parte desta casa e apoie com uma doação através deste link. Você começa a conhecer a sua família e amigos que estão fazendo parte desta iniciativa e estão contribuindo para os guarda-parques da Bolívia e com a conservação da grande diversidade da vida em nosso planeta ".


Fonte: Fundesnap


terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Apresentação da Emenda a Projeto de Lei para conceder porte de arma aos servidores públicos Guarda-parques

Foi apresentada nesta terça-feira, 03/12/2013, a Emenda ao Substitutivo n. 1 CSPCCO, pelo Deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), ao Projeto de Lei nº 6.286, de 2013, que acrescenta o inciso XII ao art. 6º da Lei Federal nº 10.826, de 22 de dezembro de 2003, para conceder o porte de arma funcional aos servidores públicos do cargo de Guarda-parque dos órgãos ambientais integrantes do SISNAMA, e aos servidores da carreira de Especialista em Meio Ambiente, da Lei nº 10.410, de 2002.

Link abaixo com o inteiro teor:


terça-feira, 26 de novembro de 2013

Assembleia Geral dos Guarda-Parques do Amapá apresenta resultados de Plano de Ação

3ª Assembleia Geral dos Guarda-Parques do Estado do Amapá

No último sábado, dia 23 de novembro, ocorreu mais uma Assembleia Geral dos Guarda-Parques do Estado do Amapá, no Auditório da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA).

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

THE THIN GREEN LINE - Boletim da Federação Internacional de Guarda-Parques: agora disponível em Português

Agora está disponível em português-BR o Boletim da Federação Internacional de Guarda-Parques, The Thin Green Line. 

The Thin Green Line é uma publicação trimestral sobre as atividades da Federação Internacional de Guarda-Parques (FIG), uma instituição de organizações governamentais e não governamentais de guarda-parques de todo o mundo. Confira:

domingo, 3 de novembro de 2013

ABG discute futura parceria em projetos de formação de Guarda-Parques no DF

Neste domingo, 03 de novembro de 2013, reuniram-se na sede da Associação Brasileira de Guarda-Parques, o presidente da ABG Sr. João Carlos Nunes Batista, o Sr. Eline Silva Costa, presidente da Associação de Voluntários Bombeiros do Brasil – BDB e brigadista no Instituto Brasília Ambiental - IBRAM, além do companheiro Francisco Welinton da Rocha, voluntário no IBRAM para discutir parcerias em projetos de formação de guarda-parques no Distrito Federal, numa expectativa de capacitar cerca de 50 guarda-parques nos próximos meses.

Srs Eline (BDB), João (ABG) e Francisco (IBRAM)


 A ideia conta com o apoio do Secretário do Meio Ambiente do Distrito Federal, com o qual foi solicitada uma reunião para tratar do tema, bem como do reconhecimento da profissão no DF.

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Encontro Nacional de Guarda-Parques da Bolívia

A Associação Boliviana de Agentes de Conservação - ABOLAC com apoio do Serviço Nacional de Áreas Protegidas da Bolívia - SERNAP, está organizando o  Encontro Nacional de Guarda-Parques que será realizado nos dias 6,7 e 8 de novembro de 2013, na cidade de Cochabamba, na Bolívia. O evento acontece em homenagem aos guarda-parques mortos em serviço, 14 no total.

Todos estão convidados a participar.

Contato com o Presidente da ABOLAC, Santos Mamani: santos.mamani@yahoo.com

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Rumos da ABG são discutidos em encontro de representantes em Brasília

Os membros da ABG e AGP-RS, da esquerda para direita:
 João, Luciano, Marcelo e Osvaldo
Na última quinta (24/10), João Carlos Batista, Osvaldo Gajardo e Marcelo Segalerba, integrantes da diretoria da Associação Brasileira de Guarda-Parques - ABG, reuniram-se em Brasília-DF com o representante da Associação de Guarda-Parques do Rio Grande do Sul - AGP-RS,  Luciano Menezes, no Centro Internacional de Convenções do Brasil – CICB, durante o intervalo da 4ª CNMA - 4ª Conferência Nacional do Meio Ambiente.

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Emenda pretende conceder porte de arma a guarda-parques

O porte de arma funcional aos guarda-parques de órgãos ambientais foi proposto através de uma Emenda de Plenário ao Projeto de Lei n° 6565/2013, apresentada pelo Deputado Federal Onyx Lorenzoni no dia 22 de outubro.

Originalmente, o Projeto de Lei, de autoria do Poder Executivo, limitava concessão de porte funcional aos agentes e guardas penitenciários. A referida proposição de Emenda de Plenário n° 01 - EMP 1/2013, visa autorizar os integrantes do quadro efetivo de agentes e guardas prisionais e servidores públicos do cargo de Guarda-parques dos órgãos ambientais o porte de arma de fogo de propriedade particular ou fornecida pela respectiva corporação ou instituição.

Segundo o deputado, "os servidores públicos do cargo de guarda-parques dos órgãos ambientais, em razão das necessidades inerentes ao desempenho de suas atividades, destinada a coibir danos ao meio ambiente, caça, pesca e exploração florestal irregular, em áreas de risco e de difícil acesso, igualmente encontra-se sujeitos a risco de vida e integridade física que justifica igual tratamento pelo ordenamento jurídico, o que a presente emenda busca contemplar".

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Representantes de Guarda-Parques conseguem diversos apoios no Congresso Nacional, em Brasília


À esquerda, Deputado Federal Marco Maia e à direita, Deputado Federal Onofre Agostini, com representantes da Associação Brasileira de Guarda-Parques e Associação dos Guarda-Parques do Rio Grande do Sul

Na última semana, foram tratados em Brasília-DF diversos assuntos de interesse dos guarda-parques brasileiros.

No dia 07 e 10/10 Luciano Menezes, presidente da Associação dos Guarda-Parques do Rio Grande do Sul (AGP-RS) encontrou-se com os membros da Associação Brasileira de Guarda-Parques (ABG), o presidente João Carlos Batista e Marcelo Segalerba. Eles definiram algumas ações futuras da ABG, como a realização de uma assembleia geral para compor a nova diretoria da entidade, com data a ser definida e confirmada em breve e futura comercialização de camisetas oficiais da instituição para os interessados.

Do dia 08 ao 10/10, os representantes das associações estiveram no Congresso Nacional para cumprir suas agendas e articulações junto aos Deputados Federais, tratando de temas referentes às propostas de regulamentação da profissão no Brasil e de concessão de porte de arma aos guarda-parques (que visa proteger os Servidores Públicos do cargo de Guarda–parques, que exercem o poder/dever de polícia na fiscalização ambiental em diversas categorias de Unidades de Conservação, cuja referida atividade exige agir, muitas vezes com rigor, para evitar depredações, caça ilegal, pesca predatória e exploração florestal irregular).

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

9 de outubro, Dia do Guarda-Parque argentino

No dia 9 de outubro de 1934 foi sancionada a Lei 12.103, criando a Administração dos Parques Nacionais (então chamada Direção de Parques Nacionais) e as primeiras áreas naturais protegidas da Argentina (Parques Nacionais Nahuel Huapi e Iguazú), o que culminou na formação de um Corpo de Guarda-Parques.

Em lembrança a esses acontecimentos, todos os anos, neste dia, comemora-se o Dia do Guarda-parque Argentino.

Parabéns a nossos colegas guarda-parques argentinos!


Fonte: http://www.ambiente.gov.ar/?aplicacion=calendario&IdPagina=40

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Inscrições Abertas para Mestrado Profissional em Biodiversidade em Unidades de Conservação

Estão abertas as inscrições para o Mestrado Profissional em Biodiversidade em Unidades de Conservação do Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, através da Escola Nacional de Botânica Tropical.

O curso busca atender profissionais com nível superior que lidam com Unidades de Conservação públicas ou privadas e que necessitam de melhor qualificação técnica para avaliação, monitoramento, manejo e gestão da biodiversidade, além de outros profissionais em busca de maior qualificação para ingresso ou recolocação no mercado de trabalho.

sábado, 5 de outubro de 2013

Está previsto concurso público ao cargo de Guarda-parque em 2013, para a Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Rio Grande do Sul (SEMA-RS).

Uma boa notícia para quem tem vontade de ser Guarda-parque, fiquem atentos e já podem ir estudando, pois muito em breve o Governo do Estado do Rio Grande do Sul lançará um edital de processo seletivo de um novo concurso público, que deve ser realizado ainda em 2013, para provimentos de cargos estatutários de servidores Guarda-parques, em nível de ensino médio ou equivalente, para trabalharem nas diversas categorias de unidades de conservação estaduais, administradas pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA-RS), com uma previsão mínima de 46 vagas imediatas. Os aprovados, já deverão ser chamados para assumirem os cargos até o final do mês de Abril de 2014. Atualmente os servidores Guarda-parques do Estado do Rio Grande do Sul percebem mensalmente na sua remuneração média, somando o total de todas as suas vantagens pecuniárias, um salário bruto (sem os descontos legais), que gira em torno de R$2.550,00.

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Mais uma vez, Ruralistas tentam impedir o uso de armamento para a fiscalização ambiental no Brasil


Rejeitada Iniciativa dos Ruralistas de Proibirem o Uso de Armamento pelos Fiscais Federais de Meio Ambiente

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara Federal rejeitou por unanimidade neste dia 02 de outubro, a proposta de Projeto de Decreto Legislativo (PDC 916/13), apresentada pelo Deputado Ruralista Jair Bolsonaro (PP/RJ).  Com este referido projeto os ruralistas pretendiam sustar o direito de porte, uso e emprego de armamentos, por parte dos servidores que atuam na área de fiscalização ambiental nos órgãos federais de meio ambiente, previsto na Portaria Ibama nº 11/09. 

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Foco de incêndio é controlado no Parque Estadual do Desengano, RJ

Parque Estadual do Desengano – PED, RJ

Guarda-parque Cristiano Baita.
No último final de semana, no dia 14/09/2013, os Guarda-Parques Cristiano Baita, da Equipe de Monitoramento, Fiscalização e Combate a Incêndios Florestais e Luan Perdomo, da Equipe de Manutenção de Trilhas e Uso Público, realizaram monitoramento no setor da Morumbeca, onde escalaram a Pedra Marial com a finalidade de verificar se haviam ilícitos ambientais e se havia necessidade de manutenção no percurso até o topo da Pedra Marial. O percurso foi realizado com sucesso.

No seguinte, os GP’s Cristiano e Daniel Maluza, Equipe de Manutenção de Trilhas e Uso Público, percorreram a trilha de acesso ao Topo da Pedra do Desengano com a mesma finalidade, verificar se haviam ilícitos ambientais e se havia necessidade de manutenção no percurso. Foi verificado que o percurso está em ótimo estado, porém, foi constatada a presença de uma fogueira ilegal no cume, onde foram recolhidos objetos para uso na fogueira que estavam no local e desfeita e limpa toda a área. Este monitoramento visa modificar as formas que abordamos determinadas infrações e traçar metas de controle e de educação ambiental futura. 

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Associe-se à ABG e seja um sócio fundador!


Atenção guarda-parques e simpatizantes, a Associação Brasileira de Guarda-Parques está iniciando uma campanha de afiliação para encerrar a lista final de sócios fundadores, que serão aceitos na próxima assembléia.

Participe já e seja parte desta grande família de protetores da natureza! Seja um membro fundador!

Visite já: 

O Melhor Emprego do Mundo


A guarda-parque Elisa Detrez. Foto enviada por Elisa Detrez.
Já imaginou ter o melhor emprego do mundo e ainda receber um salário extraordinário?

Recentemente, foi lançada uma campanha promovida pela Tourism Australia, com o intuito de contratar por um período de seis meses pessoas para trabalhar em um dos "Melhores Empregos do Mundo", na Austrália.

Dentre as vagas, uma seria destinada para o cargo de guarda-parque, para receber nada menos que um salário de 50 mil dólares australianos, além de uma ajuda de custo de igual valor, equivalentes a mais de 200 mil reais.  

sábado, 14 de setembro de 2013

Eleita nova diretoria da Associação dos Guarda-Parques do Amapá



No dia 14 de setembro deste corrente ano, às 09:00h, no Auditório da Secretaria de Estado de Meio Ambiente-SEMA, ocorreu a 2ª Assembléia Geral dos Guarda-Parques do Estado do Amapá. Estes encontros são frutos de diálogos entre os Guardas preocupados com a situação da categoria no Estado, no tocante à legalização da profissão.A principal pauta desta segunda Assembléia foi a reativação da Associação de Guarda-Parques do Estado do Amapá-AGPA, através da eleição da nova Diretora, a qual dará continuidade às atividades da entidade. 

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Mosaico Carioca realiza no dia 16/09 Seminário de Trilhas de Longo Curso

EXPERIÊNCIA INTERNACIONAL E CAPTAÇÃO DE RECURSOS


Local: Auditório do RIO-ZOO
Data: 16/09/13


Programação:
· 14:00 - "Caminhadas em Trilhas de Longo Percurso".
Palestrante: Alexandre Lorenzetto - INEA;
· 15:00 - "A Profissão de Guarda-Parques na Argentina e o Uso Público: Uma Experiência no Parque Nacional El Leoncito-Mendoza";
Palestrantes: Sofia Desire Nazar e Pedro Alejandro Cenoz;
· 16:00 – Debate: Estratégias para Captação de Recursos para Implantação da Trilha Transcarioca.
Moderador: Celso Junius – SMAC/Mosaico Carioca.


Inscrições gratuitas no local! Vagas limitadas!

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

No Dia do Cerrado, um alerta: bioma carece de UCs

Berço de algumas das principais bacias hidrográficas do Brasil - como a do Rio Paraná e a do Rio São Francisco, o Cerrado, que tem seu dia comemorado nesta quarta-feira (11), é a região de savana com a biodiversidade mais rica do planeta. O bioma reúne uma variedade de fitofisionomias (Mata de Galeria, Veredas, Cerrado Rupestre, Campos, entre outras) e um grande número de espécies de plantas e animais: estima-se que vivam ali, de acordo com o MMA, 12 mil espécies de vegetais, 837 de aves e 199 de mamíferos.

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Convite para 2ª Assembleia geral da Associação de Guarda-parques do Amapá

A Associação de Guarda-Parques do Estado do Amapá - AGPA convoca os demais membros da entidade e pessoas preocupadas com o reconhecimento profissional da categoria a participarem da Assembleia Geral que ocorrerá neste sábado, dia 14 de setembro, no Auditório da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, a partir das 09:00h.

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Veja as 15 propostas de criação de Unidades de Conservação

((o))eco - 06/09/13

Governo corta verba em 38% e vigilância ambiental agoniza no país


POR ANDRE BARCINSKI  09/09/13 - 07:05

Em 2011, quando conseguiu emprego no Parque Nacional de Boa Nova, no sudoeste da Bahia, o ambientalista baiano Osmar Barreto Borges estava realizando um sonho. Era um parque novo, criado em 2010, cujo forte é o turismo de observação de aves, umas de suas paixões.

Retirado do blog de Andre Barcinski.
Dois anos depois, tudo que Borges quer é ir embora. “Não agüento mais. Sofri até um colapso psicológico, estou desesperado para sair. A situação está desmoronando.”

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Importante: Já tramita Projeto de Lei Federal que garante porte de arma de fogo aos guarda-parques


No último dia 26 de agosto, representantes da Associação de Guarda-parques do Rio Grande do Sul reuniram-se com o Deputado Federal Marco Maia e discutiram propostas de melhores condições de trabalho para a categoria profissional. 

Na ocasião, o presidente da AGP-RS, Luciano Menezes, encaminhou um texto de sua autoria para acrescentar na Lei Federal 10.826 de 2003, que dispõe sobre o registro, posse e comercialização de armas de fogo e munição, um inciso que garante o direito ao porte de arma de fogo aos servidos concursados que exerçam a função de guarda-parque:

terça-feira, 27 de agosto de 2013

Deputado Federal reúne-se com representantes dos guarda-parques gaúchos

Marco Maia reúne-se com representantes dos guarda-parques gaúchos

Luciano Menezes e Jorge Pinheiro, presidente vice-presidente da Associação dos Guarda-Parques do RS foram recebidos pelo Dep. Federal Marco Maia na manhã da segunda-feira, 26, no seu escritório político em Canoas. Os representantes dos Guarda-Parques conversaram sobre as condições de trabalho da categoria no Estado e apresentaram propostas para aprimorar o exercício da profissão.

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Assembleia Geral discute a reativação da Associação dos Guarda-Parques do Amapá


Na última sexta (23/08) foi realizada no Auditório da Secretária de Estado do Meio Ambiente - SEMA, uma Assembleia Geral para discutir a reativação da Associação dos Guarda-Parques do Amapá. Esta Assembleia foi solicitada por alguns Guardas, membros da Associação, que estão preocupados em dar continuidade às atividades da Associação, principalmente no que diz respeito às estratégias de intervenção em políticas públicas para profissionalização desta categoria no Estado do Amapá.

Alckmin quer privatização de parques

Se o projeto for aprovado, a empresa vencedora poderá cobrar pelo acesso, por serviços de estacionamento, restaurantes e passeios

Vista da Pedra Grande, no Parque Estadual da Cantareira 
João Wainer/Folhapress/ Arquivo
Do Metro São Paulo noticias@band.com.br

quarta-feira, 5 de junho de 2013 - 13h32 Atualizado em quarta-feira, 5 de junho de 2013 - 13h32

O governador Geraldo Alckmin enviou à Assembleia Legislativa um projeto de lei que prevê conceder à iniciativa privada por 30 anos a exploração de parques florestais e áreas de preservação permanentes do Estado.

Se o projeto for aprovado, a empresa vencedora poderá cobrar pelo acesso, por serviços de estacionamento, restaurantes e passeios nas trilhas.




Mesmo com R$ 144 milhões em caixa, áreas de proteção de SP estão abandonadas

Herton Escobar, Giovana Girardi e Bruno Deiro - O Estado de S. Paulo

Segundo ambientalistas, faltam condições mínimas de infraestrutura para o funcionamento das unidades de conservação do Estado; problema contrasta com recursos da Secretaria do Meio Ambiente disponíveis para esses locais, que estão parados

Ambientalistas veem aparelhamento político em UCs de São Paulo

Herton Escobar e Giovana Girardi - O Estado de S. Paulo

Dentro da comunidade ambientalista, o descontentamento com a atual gestão da Secretaria do Meio Ambiente (SMA) é crescente, beirando o intolerável. Fontes do próprio governo e da sociedade civil acusam o secretário Bruno Covas (PSDB) de promover um aparelhamento generalizado do sistema ambiental paulista, com a substituição de funcionários técnicos por indicações políticas e enfraquecimento dos mecanismos de controle e monitoramento, em favor de interesses políticos e econômicos da pasta.

domingo, 25 de agosto de 2013

Balão causa incêndio na Serra da Tiririca, RJ


Queda de balão foi a causa de incêndio

O incêndio que foi controlado por volta das 16h deste sábado, 24, destruíu uma área de dois mil metros quadrados

    Parques ficam vulneráveis com perda de vigilantes


    estadao.com.br (© Grupo Estado - Copyright 1995-2010 - Todos os direitos reservados.)
    Atualizado: 25/08/2013 07:49 | Por HERTON ESCOBAR, estadao.com.br


    A falta de vigilância é apontada por muitos gestores como um dos principais problemas das unidades de conservação do Estado. 

    A Fundação Florestal (FF) tem 93 guarda-parques para cuidar de 45 mil quilômetros quadrados de áreas protegidas - média de 1 guarda para cada 484 km². Para reforçar esse expediente, desde 2005, a Secretaria do Meio Ambiente (SMA) passou a contratar vigilantes terceirizados, que se tornaram os principais responsáveis por patrulhar as trilhas e combater a ação de palmiteiros, caçadores e outros criminosos no interior das unidades.
    Nos últimos dois anos, porém, o número de vigilantes foi bastante reduzido, segundo funcionários ouvidos pela reportagem. No núcleo São Sebastião do Parque Estadual da Serra do Mar, por exemplo, o número caiu de 12 para 3 neste ano.

    quarta-feira, 21 de agosto de 2013

    Convocação: Assembléia Geral da Associação de Guarda-parques do Amapá

    Associação de Guarda-Parques do Estado do Amapá - AGAPA convoca

    os demais membros da entidade e pessoas preocupadas com o reconhecimento profissional da

    categoria a participarem da Assembleia Geral que ocorrerá no dia 23 de agosto no Auditório

    da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, a partir das 09:00h.


    Esta Assembleia terá como objetivo central discutir a reativação da Associação e as estratégias para a inserção deste profissional no processo de gestão das unidades de conservação no Estado do Amapá.


    Sua participação é imprescindível para voltarmos com as nossas atividades !!!!

    Divulguem !!!


    Airton Ferreira Gonçalves Neto
    Coodenadoria de Gestão de Unidades de Conservação
    Chefe da Área de Proteção Ambiental do Rio Curiaú

    sexta-feira, 16 de agosto de 2013

    Nova espécie de carnívoro descoberto na América do Sul

    Olinguito, Bassaricyon neblina, é o primeiro encontrado na natureza em 35 anos
    O GLOBO Publicado: 15/08/13 - 12h00 Atualizado: 15/08/13 - 12h46


    EUA - Na natureza, em museus ou até mesmo em zoológicos da América do Sul e do Norte, uma espécie passou mais cem anos despercebida. Mas cientistas do Instituto Smithsoniano, em buscas de campo, finalmente conseguiram definir que trata-se de um achado: o olinguito (Bassaricyon neblina), primeiro carnívoro descoberto no Ocidente em 35 anos. A descoberta foi publicada nesta quinta-feira na revista “ZooKeys”.

    O olinguito (Bassaricyon neblina) é a primeira espécie de carnívoro descoberto no Ocidente em 35 anos Divulgação/ Mark Gurney

    O olinguito parece resultado de um cruzamento entre um gato doméstico e um ursinho de pelúcia. É o mais recente membro cientificamente documentado da família Procyonidae, da qual fazem parte os guaxinins, quatis, juparás e olingos. O olinguito tem dois quilos, olhos grandes e pelo marrom alaranjado. É nativo de florestas úmidas da Colômbia e do Equador. Além de ser o mais recente membro descrito de sua família, o olinguito também é a mais novo carnívoro do século 21

    Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/ciencia/nova-especie-de-carnivoro-descoberto-na-america-do-sul-9552712#ixzz2cAcYnqfV
    © 1996 - 2013. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização. 

    RS: Grupo de trabalho vai buscar melhores condições de atuação para os guarda-parques

    Aline Adolphs - MTE 10236 | Agência de Notícias - 12:43-15/08/2013 - Edição: Letícia Rodrigues - MTE 9373 - Foto: Gabriele Didone/Divisão de Fotografia



    sexta-feira, 2 de agosto de 2013

    Conquista da AGP-RS: Secretária abre espaço para diálogo direto com guarda-parques


    A Secretária de Políticas para Mulheres do Rio Grande do Sul, Ariane Leitão, envia mensagem ao Presidente da Associação dos Guarda-Parques do Rio Grande do Sul (AGP-RS), Luciano Menezes, parabenizando todos os guarda-parques e abre espaço para diálogo direto para mulheres que atuam na categoria.





    Vigília e fundação de associação marcaram dia internacional


    Mobilização reuniu categoria na Praça da Matriz no Dia Internacional do Guarda-Parque


    Nesta quarta-feira, dia 31 de Julho, o Dia Internacional do Guarda-Parque foi marcado por vigília na Praça da Matriz, audiência na Casa Civil e Assembleia Geral de fundação da Associação dos Guarda-Parques do Rio Grande do Sul.



       A mobilização iniciou cedo. Às 8h30 já estava montada a barraca na frente do Palácio Piratini. O Porte de Arma aos Guarda-parques da SEMA-RS e Plano de Carreira com Isonomia, no modelo que é defendido pelo Sindsepe/RS, foram as principais reivindicações.

    quarta-feira, 31 de julho de 2013

    Dia Internacional do guarda-parque: Fotos


     A Associação Brasileira de Guarda-Parques parabeniza todos os guarda-parques do Brasil e do mundo pelo grande trabalho dedicado à proteção do meio ambiente, que perdura e cresce em meio a tantas dificuldades e difíceis condições de trabalho. Agradecemos pelos fotos enviadas.

    
    23º Curso de áreas Protegidas da Universidade Estatal de Colorado, EUA. Na foto, Osvaldo Barassi Gajardo e guarda-parques. Rawah Wilderness Area.

    Palavras de um guarda-parque: Douglas Vieira Rios da Silva


    O guarda-parque Douglas V. R. da Silva, o "Stallone".
    Douglas Vieira Rios da Silva, conhecido como "Stallone", é formado em Gestão Ambiental e faz especialização em Gestão da Biodiversidade.  Guarda-parque desde novembro de 2012, trabalha no Parque Estadual dos Três Picos e na Estação Ecológica Estadual do Paraíso, ambos localizados no Rio de Janeiro.  Sua rotina envolve atividades diversas, como fiscalização para proteção e conservação do Parque, bem como suas instalações, apoio a pesquisas, busca e salvamento de visitantes, interpretação ambiental junto à população, patrulhas de apoio ao grupamento de polícia ambiental, resgate de fauna, e o controle de incêndios.

    Feliz Dia do Guarda-Parque: Carta do Príncipe Willian


    Dia Internacional do Guarda-parque 2013: Quadro de Honra



    segunda-feira, 29 de julho de 2013

    Dia Internacional do Guarda-Parque terá evento em Porto Alegre, confira a Programação



    Jane Goodall homenageia os Guarda-Parques

    A renomada primatóloga britânica, Dra. Jane Gooddall, pioneira em estudos comportamentais sobre o chimpanzé, presta suas homenagens aos guarda-parques de todo o mundo. 





    "Obrigada a vocês e a sua coragem, seu trabalho duro, seu sentimento de nunca desistir, que é a esperança. Estamos progredindo e muitas pessoas importantes estão se involvendo, e isso fará uma grande diferença. Então continuem o trabalho e  parabéns. Vocês podem se sentir muito orgulhos de si e de seus companheiros neste Dia Internacional do Guarda-Parque. Para os próximos anos, boa-sorte!


    Referências:

    http://www.nationalgeographic.com/explorers/bios/jane-goodall/

    sexta-feira, 19 de julho de 2013

    Grupo de Proteção Ambiental de Suzano/SP impede desmatamento ilegal

    Guarda impede desmatamento ilegal em Suzano

    iG Paulista - 19/07/2013 19h55 |Da redação | igpaulista@rac.com.br


    Guarda Civil Municipal de Suzano impediu desmatamento maior
    Foto: iG Paulista.
    Uma denúncia anônima ajudou a Guarda Civil Municipal (GCM) de Suzano a impedir uma ação de desmatamento em uma área preservada na Quinta Divisão, no Distrito de Palmeiras. O crime ambiental descoberto na quinta-feira (18) pelos agentes resultou na apreensão de uma máquina retroescavadeira, além do encaminhamento do condutor à Delegacia de Polícia (DP).

    Na área denunciada, foi constatada uma quantidade significativa de madeiras empilhadas, bem como pés de eucalipto e outras árvores nativas prontas para serem comercializadas sem nenhuma identificação. Um Boletim de Ocorrência (B.O.) foi lavrado, mediante a operação do Grupo de Proteção Ambiental (GPA) da GCM. O condutor da escavadeira responderá pelo crime ambiental e a máquina continua apreendida pela Prefeitura.

    quinta-feira, 18 de julho de 2013

    Guarda-parques do Parque Estadual Delta do Jacuí, em Porto Alegre, em ação solidária

    Guardas-parques em ação solidária

    Conciliando a defesa do meio ambiente com o combate ao frio e auxílio aos menos beneficiados, os guarda-parques do Parque Estadual Delta do Jacuí saíram no sábado 14 de julho a distribuir roupas nas ilhas isoladas do arquipélago de Porto Alegre, local integrante da área do Parque. Foram distribuídas 300 mudas de roupas arrecadadas por enfermeiras em seus postos de saúde e rede de amizades. “Vários locais de Porto Alegre são zonas de grande pobreza e desamparo, mas nenhum se compara às ilhas, ainda mais as que não têm acesso via terrestre. Trata-se de uma região esquecida há décadas, entra governo e sai governo e é assim. Além do meio ambiente, precisamos cuidar também das pessoas que nele estão inseridas” conta o Agente Florestal Alexandre Gomes, que, junto dos colegas Elias Albuquerque, Flaubert Garcia e Alex Alves, liderou a iniciativa.

    quarta-feira, 17 de julho de 2013

    Itararé/SP inaugura base de Guarda Ambiental em Parque Ecológico


    Base da Guarda Ambiental no Parque Ecológica da Barreira fica em pontos estratégico. (Foto: Giliardy Freitas / TV TEM)
    Base da Guarda Ambiental no Parque Ecológica da Barreira.
    (Foto: Giliardy Freitas / TV TEM)
    No dia 09 de julho, o município de Itararé, localizado a cerca de 350 km da cidade de São Paulo, inaugurou sua primeira base de grupamento ambiental. 

    A guarda ambiental, formada por oito funcionários, realizou em junho passado o Curso de Formação do 1º Grupamento Especializado em Proteção Ambiental e Rural (GEPAR), ministrado por profissionais locais e membros da Guarda Ambiental de Guarulhos. Foram abordados tópicos de legislação ambiental, combate à incêndio, primeiros socorros, buscas na mata, apicultura, pontos turísticos da região e patrulhamento ambiental.

    Dia de Proteção às Florestas

    Amazônia. ©Greenpeace / Rodrigo Baleia

    O Brasil abriga diversos tipos de vegetação, como as encontradas no domínio da Mata Atlântica, umas das áreas mais ricas em biodiversidades do mundo, ou na maior floresta tropical do planeta, a Floresta Amazônica.

    As florestas são importantes para manter o equilíbrio climático, hidrológico e geológico, além de abrigar inúmeras espécies animais e vegetais.

    A Mata Atlântica "cobria uma área de 1,1 milhão de quilômetros quadrados do território nacional. Atualmente, sobraram apenas 300 mil km2 e totalmente fragmentados. Agora com o avanço do agronegócio e dos planos de infraestrutura, a Amazônia pode ter igual destino: só nos últimos 40 anos, 18% dessa exuberante floresta já foi desmatada" (Greenpeace).

    quinta-feira, 11 de julho de 2013

    Comemore o Dia Internacional do Guarda-Parque com a ABG


    O Dia Internacional do Guarda-Parque é celebrado anualmente no dia 31 de julho.

    A Associação Brasileira de Guarda-Parques quer conhecer e divulgar o trabalho dos Guarda-Parques de cada canto do Brasil ou mesmo do mundo.

    Estamos convidando todos os protetores da natureza para enviar uma foto mostrando seu trabalho.

    Nova turma de guarda-parques se forma no Rio de Janeiro

    Ocorreu na última quarta-feira (10/07/2013) no Rio de Janeiro, a formatura de 112 alunos da segunda turma do Curso de Formação de Guarda-Parques, admitidos por concurso público pelo Instituto Estadual do Meio Ambiente (INEA). 

    terça-feira, 18 de junho de 2013

    Guarda-parques de RS realizam manifestação na Casa Civil do Estado

    Trabalhadores realizam manifestação na Casa Civil do Estado.

    Os Guarda-parques realizaram, na tarde de sexta-feira, dia 14 de junho, uma manifestação em frente à Casa civil do RS.

    Os trabalhadores, que são vinculados à Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Rio Grande do Sul (SEMA–RS), reivindicam melhores condições de trabalho.

    Durante a manifestação, o SINDSEPE/RS protocolou, na Casa Civil, um ofício formalizando as reivindicações dos Guarda–parques. (PORTE DE ARMAS – UNIFORMES E EQUIPAMENTOS – CURSO DE FORMAÇÃO).

    domingo, 9 de junho de 2013

    Reconhecimento aos Vigilantes da Natureza de Portugal

    RECONHECIMENTO AOS VIGILANTES DA NATUREZA DE PORTUGAL - Foto: M. Segalerba.........Os Vigilantes da Natureza estão no terreno desde 1975, são profissionais dedicados à defesa do ambiente a quem os responsáveis pelo ICNF continuam a negar as condicções mínimas para o desempenho das suas funções.
    Apesar de alguns responsáveis pelo ICNF, tudo fazerem para reduzir a importância da acção dos Vigilantes da Natureza no terreno, estes mantêm-se fiéis à sua missão.

    sexta-feira, 7 de junho de 2013

    Fiscalização em conjunto com guarda-parque apreende armas de fogo no RS


    Segundo a Secretaria do Meio Ambiente do Rio Grande do Sul, uma fiscalização realizada no último domingo (02/06) por um guarda-parque e um efetivo da 1ª Companhia Ambiental da Brigada Militar de Osório na Área de Proteção Ambiental do banhado Grande, município de Santo Antônio da Patrulha, culminou na apreensão de armas de fogo, armas brancas e um exemplar morto de tatu-galinha.

    terça-feira, 21 de maio de 2013

    Treinamento e contratação de Guarda-parques em Rio de Janeiro

    ENTREVISTA COM ANDRÉ ILHA


    A intenção do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), segundo o diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas, André Ilha, em entrevista à FOLHA DIRIGIDA, é chamar os aprovados no concurso para guarda-parques o mais rápido possível. O objetivo do órgão é que os convocados já estejam trabalhando nas unidades de conservação até o fim deste ano.

    "A convocação será imediata e sairá logo depois da homologação do concurso, por causa do caráter de absoluta urgência. A nossa intenção é fecharmos este ano com os 220 aprovados já treinados e distribuídos nas unidades para as quais fizeram o concurso", explicou André Ilha. Para ele, além da urgência, a seleção possui uma grande importância, inclusive por ser destinada a um cargo novo. "O profissional responsável, por excelência, pela gestão direta das reservas biológicas, dos parques e das estações ecológicas é o guarda-parque."

    André Ilha ainda ressalta que a presença de pessoal no campo, uniformizado e identificado é fundamental para a valorização das áreas protegidas. "É preciso que tenha alguém sempre pronto para ajudar, orientar e zelar pela integridade física dos visitantes e, naturalmente, pela integridade do patrimônio natural ali contido", afirmou. As inscrições do concurso para o cargo, que exige ensino médio e tem vencimento de R$1.500, seguem abertas até 15 de abril no www.fec.uff.br. Leia a entrevista:

    FOLHA DIRIGIDA - Qual é a importância desse concurso de guarda-parque para o Inea?
    André Ilha - O Inea é responsável pela gestão de uma série de unidades de conservação chamadas de Proteção Integral, como os parques propriamente ditos, reservas biológicas e estações ecológicas. Depois dessas unidades serem criadas por um ato formal, precisam ser implantadas. Isso significa que é preciso regularizar fundiariamente o perímetro da unidade, implantar as suas estruturas físicas, como sede, centro de visitantes, alojamentos e estruturas de uso público (trilhas, mirantes, deques etc), e também efetuar a gestão dessas áreas, ou seja, fazer com que elas atendam efetivamente o objetivo para o qual foram criadas. E o profissional responsável, por excelência, pela gestão direta dessas áreas é o guarda-parque. Por esse motivo, nós chamamos a atenção há anos para a importância da criação desta função e, agora, com muita alegria, finalmente foi publicado o edital para contratação, ainda que temporária, desse contingente.

    Há quanto tempo o Inea tem o objetivo de colocar o cargo de guarda-parque dentro do quadro funcional do órgão?
    Desde que eu assumi a presidência do antigo IEF (Instituto Estadual de Florestas), que depois veio a se fundir com a antiga Superintendência Estadual de Rios e Lagoas (Serla), para criação do Inea, que ocorreu em janeiro de 2009. Desde que o secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc, me convidou para retornar à presidência do IEF, que eu já havia ocupado em duas oportunidades, e concordei, eu pedi para ter dedicação máxima em dois projetos que eu considerava imprescindíveis para que a gestão dessas áreas (parques, reservas ecológicos etc) não fossem um faz de conta. Um deles era a criação do núcleo de regularização fundiária, ou seja, um conjunto de profissionais que se dediquem a identificar as áreas privadas existentes no interior dessas unidades e a fazer todos os procedimentos administrativos para a sua desapropriação. E o outro objetivo era a criação do cargo de guarda-parque, por causa de toda a importância que nós atribuímos a essa função.

    Por ser um cargo novo, o que exatamente faz um guarda-parque? Quais são as atividades que ele desempenha?
    Guarda-parques não são meros funcionários que vão ficar trabalhando a serviço das unidades de conservação. Eles são muito mais que isso. Esses profissionais serão responsáveis pela implantação de uma filosofia de cuidado com essas áreas; de ordenamento da visitação; de interação com moradores existentes em volta dessas áreas ou dentro delas, enquanto a regularização fundiária não tiver sido feita; de apoio à pesquisa científica e pela importante tarefa de prevenção e combate a incêndios florestais, que são a principal causa de destruição da Mata Atlântica fluminense, preservada por tais unidades. Os guarda-parques também serão responsáveis por ação de busca e salvamento de pessoas perdidas ou feridas, acidentadas no interior dos parques. E também, no caso de grandes catástrofes nas proximidades das unidades em que trabalham, atuarão como uma força auxiiar da Defesa Civil, no sentido de ajudar nas buscas e salvamentos, no apoio às vítimas. O guarda-parque precisa ter uma ligação muito profunda com a unidade na qual estiver atuando, ser conhecido pelos moradores da região pelo nome e conhecer esses moradores pelo nome. O Inea espera que haja uma aproximação muito grande desse profissional com os moradores e com os visitantes, que
    tenham o objetivo de lazer ou prática de esportes, ou os inúmeros pesquisadores que desenvolvem estudos em todos os campos de conhecimento nos nossos parques e reservas.

    Qual é a importância da consolidação desse cargo, principalmente diante de um cenário de preservação do meio ambiente e da criação de novos parques?
    Nós queremos provar para o conjunto da sociedade que, para que a gente possa ter uma gestão efetiva de tais áreas, a figura do guarda-parque é absolutamente indispensável. O recente estudo do Banco Mundial provou aquilo que nós já sabíamos, que o fator individual mais importante para o sucesso da gestão de uma área protegida é a presença de pessoal no campo, uniformizado, identificado e sempre pronto para ajudar, orientar e zelar pela integridade física dos visitantes e, naturalmente, pela integridade do patrimônio natural ali contido. E esse profissional é o guarda-parque.

    Qual é o perfil de funcionário de guarda-parque que o Inea procura?
    As exigências formais do concurso são nível médio completo e idade máxima de 45 anos. Mas o Inea espera queesse concurso tenha o condão de atrair pessoas que amem a natureza e tenham uma ligação forte com os ambientes naturais, que se sintam bem trabalhando nessas áreas e contribuindo para a preservação e valorização perante os olhos da sociedade. Nós também fizemos um concurso setorizado, ou seja, o candidato fará concurso para determinada unidade de conservação e, com isso, nós pretendemos estimular a participação de moradores locais, o que tem uma vantagem adicional, já que teremos "filhos da terra" trabalhando junto com o Inea na proteção dessas áreas.

    O concurso é para 220 vagas temporárias. Esse número é suficiente para suprir as necessidades, pelo menos, imediatas?
    Nós fizemos uma estimativa de que, com as unidades de conservação de Proteção Integral que já temos e aquelas que devem ser criadas em um futuro próximo (estamos em vias de criar dois novos parques: Lagoa do Açu e Pedra Selada), o número ideal seria de 400 profissionais. Esse é o número que consta em um projeto de lei, que será enviado em breve à Casa Civil e depois à Assembleia Legislativa. Na verdade, é o fato de haver esse projeto de lei, criando 400 vagas definitivas, que permitiu que fizéssemos agora esse concurso para 220 vagas temporárias. Mas considerando que já temos 60 homens cedidos pelo Corpo de Bombeiros atuando como guarda-parques e 20 outros servidores do Inea que também atuam nessa função, chegamos a um contingente de 300, o que é bastante razoável e nos permite afirmar que a partir daí poderemos realizar, efetivamente, uma gestão adequada de todos os nossos parques e reservas estaduais.

    Há previsão de abrir um concurso para guarda-parque efetivo?
    Num futuro sim, mas acredito que não seja em um futuro próximo, por conta da tramitação do projeto de lei criando essas vagas no nosso Plano de Cargos e Salários. E como, neste concurso aberto, os contratos terão duração de três anos, podendo ser prorrogados por mais dois, nós não estamos preocupados em agilizar essa tramitação no momento. Por enquanto, a nossa atenção é receber e treinar esses temporários.

    Então, na gestão atual do Sérgio Cabral, não terá concurso para efetivo?
    Acho muito improvável.

    Há previsão de chamar aprovados além das vagas ou isso dependeria de uma autorização do governador para ampliar a oferta?
    Não há uma previsão e isso não está nos nossos planos. Haverá, no entanto, a possibilidade de reposição, caso alguém desista, mas preenchidas serão 220 vagas.

    As convocações serão imediatas? Os 220 aprovados serão chamados de uma só vez?
    Serão feitas duas convocações de 110 candidatos. E cada aprovado passará por um treinamento intensivo de dois meses, e só depois desse período começará a trabalhar efetivamente. A convocação será imediata e sairá logo depois da homologação do concurso, por causa do caráter de absoluta urgência. A nossa intenção é fecharmos esse ano com os 220 aprovados já treinados e distribuídos nas unidades para as quais fizeram o concurso.

    Como será feito esse treinamento?
    Esse treinamento tem sido discutido internamente e consideramos a sua existência fundamental. Uma parte será ministrada pelo Corpo de Bombeiros, que será o combate a incêndios, busca e salvamento, primeiros-socorros, e depois, terá uma parte voltada para as questões ambientais, e uma ênfase muito grande em Relações Públicas. O guarda-parque, sem dar prejuízo às suas atividades de fiscalização, tem o poder de polícia administrativa e será, sobretudo, um grande relações públicas de cada parque ou reserva ambiental. O treinamento será teórico e, principalmente, prático, sendo feito no campo e será realizado, simultaneamente, nas nossas instalações (na Estação Ecológica do Paraíso, em Guapimirim), e estamos conversando com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) de a outra metade dos convocados fazer o treinamento ao mesmo tempo, em uma unidade federal próxima, possivelmente na Serra dos Órgãos, mas isso ainda está sendo decidido e teremos a confirmação em breve. Se isso não acontecer, seremos forçados a fazer quatro turmas (convocando 55 de cada vez) e isso atrasaria a entrada dos 220 funcionários, o que nãoqueremos que aconteça. Inicialmente, faríamos o treinamento somente nas nossas instalações, mas com o atraso e devido à urgência da contratação dos guarda-parques, resolvemos realizá-lo em outros locais também. Agora, as duas turmas farão o treinamento paralelamente, ao mesmo tempo. Portanto, salvo algum imprevisto, o tempo total de treinamento do contingente (duas turmas de dois meses) será de quatro meses.

    Qual mensagem o senhor pode dar para quem pretende participar do concurso?
    Como eu sou um usuário antigo de parques municipais, uma vez que eu pratico montanhismo há quase 40 anos, eu entendo bem a importância dessa profissão e a beleza nela contida. É uma função que permite uma interação direta com a natureza e com pessoas que buscam a natureza, seja por razões esportivas, de lazer, científicas ou religiosas, e, portanto, é uma profissão que é bonita e fundamental, no sentido que contribuirá, efetivamente, a longo prazo, com a preservação da riquíssima biodiversidade fluminense, em grande parte contida nos nossos parques, reservas e estações ecológicas. Eu, se fosse mais novo e tivesse apenas o ensino médio completo, com certeza, participaria desse concurso, porque eu teria a satisfação de contribuir com essa preservação do ambiente, que é tão importante para todos nós.



    Fonte: http://www.inea.rj.gov.br/entrevista_andre_ilha.asp

    quarta-feira, 15 de maio de 2013

    Grupo de visitantes é resgatado por guarda-parques no Parque Estadual da Pedra Branca


    Um grupo de oito pessoas que se perdeu na manhã deste domingo (12/05) no Parque Estadual da Pedra Branca (PEPB) foi resgatado pelo serviço de guarda-parque da unidade. Liderado pelo sargento reformado da Polícia Militar Dorival Couto dos Santos e por mais sete menores, entre os quais dois filhos e sobrinhos do sargento, o grupo pretendia fazer uma caminhada até a Pedra Jesus Vem, em Realengo, situada a cerca de 600 metros de altitude.

    segunda-feira, 13 de maio de 2013

    Postagens populares

    Translate